[Resenha] O espelho de Machado de Assis em HQ

O espelho de Machado de Assis em HQ - JeosaFá e João Pinheiro

O espelho de Machado de Assis em HQ - JeosaFá e João Pinheiro
Sinopse - Mercuryo Jovem - 2012 - 64 páginas


Trata-se de um conto de mistério: num encontro entre cinco amigos, quatro discutem animadamente questões metafísicas, até que o único que se mantivera em silêncio, Jacobina, ao ser inquirido, propõe uma nova teoria da alma humana e, como argumento, passa a relatar-lhes uma curiosa passagem de sua juventude, e o que ele relata é estarrecedor, porque é sobre o que somos, como nos comportamos, e como não queremos ver o que realmente somos. Complexo? Bem, costuma ser: 

Espelho, espelho meu. 
Ô da barca! Quem vai aí? 
Você ou Eu? 

A adaptação do conto de Machado de Assis, “O espelho”, nesta publicação da Editora Mercuryo, com o selo “Mercuryo Jovem”, divide-se em quatro partes: 

Na apresentação, somos introduzidos ao universo dos espelhos e suas peculiaridades. Neste esboço, o próprio Machado de Assis é equiparado a um espelho, diante da multiplicidade de interpretações de seus escritos.

Na HQ, a fidelidade do traço de João Pinheiro, no que tange às expressões das personagens, ambientação e figurinos, combinada com os imperceptíveis cortes no texto, bem costurado, de JeosaFá, nos envolve desde o primeiro quadro em um clima de suspense e inquietação, a ponto de também nos perguntarmos ao final:  “cadê ele?”

Na terceira parte, a resenha nos reporta à abordagem do espelho na literatura, cinema e mitologia, indica alguns autores, que brilhantemente versaram sobre o tema, e nos guia através do espelho de Machado de Assis e de sua personagem Jacobina, interpõe uma conjectura entre os narradores, e no final nos faz uma indagação.

E o que você acha? 
Há algo além da superfície do espelho? 
Enfim, na quarta parte, temos na íntegra o conto que deu origem à HQ e:

“Never, forever ! 
For ever, never! 
Tic-tac, tic-tac.” 

Bem, Machado de Assis é um daqueles autores amados e/ou odiados, pela difícil compreensão de seus enigmáticos enredos, alguns obrigatórios, seja no ensino médio ou acadêmico; no entanto o (x) da questão é justamente a palavra “compreensão”, quando passamos a entender a genialidade deste autor é impossível não amá-lo, mas, e para entender? 

A leitura do original, em foco, requer um mergulho profundo, porque são parágrafos extensos, repletos de descrições e literatura comparada, que às vezes estão distantes da realidade do leitor, frente a erudição invocada.

Na HQ, alguns trechos mais árduos foram omitidos, no entanto, manteve-se intacta a essência da ideia que o autor quis imprimir no leitor.

A partir da HQ, já olhamos com outros olhos o original, os detalhes agora enriquecem a trama.


Tendo em vista que a nova geração é pautada na imagem, “O espelho de Machado de Assis em HQ" abre espaço para a re-significação das obras Clássicas da Literatura. Recomendadíssimo!

Essa leitura foi uma cortesia da Editora Mercuryo.
Aguardamos seus comentários! By.:.

6 comentários

  1. Amplexos do jeosaFÁ21 de setembro de 2012 09:38

    Prezada autora da resenha, fico envaidecido pelo que diz nela. Oxalá os leitores da HQ concordem contigo. Amplexos do JeosaFÁ

    ResponderExcluir
  2. Não tenho habito de ler clássicos da literatura brasileira, li O Cortiço esse ano por obrigação, rsrsrs, mas ler um clássico em HQ deve ser uma ótima exper~encia, rsrs
    Rafa 
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/ 

    ResponderExcluir
  3.  Ola JeosaFÁ,

    Agradecemos sua ilustre visita ao Arquivo Passional, os méritos são seus pelo excelente projeto, creio que a HQ encantara aos leitores, faço votos que você possa  decifrar-nos outros espelhos.

    Seja sempre bem vindo!
    Sucesso!
    Beijo.
    Rosem.

    ResponderExcluir
  4.  Olá Rafa,

    Excelente no caso do "Espelho", porque é um conto complexo e, na HQ foi adaptado de tal forma, que ao findarmos a leitura , logo queremos uma coleção inteira de HQs do gênero, enfim uma editora teve o "insight" de perceber que essa é uma geraçao pautada na imagem, estou certa que muiiiiita gente vai mergulhar nessa experiência.

    Bj.

    ResponderExcluir
  5. Oi meninas!

    Machado de Assis e outros escritores no mesmo estilo não fazem parte do meu estilo literário, até mesmo por ter sido obrigada na escola a ler estes livros, quem sabe a ideia da editora de trazer em HQ consiga atrair leitores.

    Bjos!

    Cida

    ResponderExcluir
  6.  Oi Cida,

    Creio que auxiliará muito na compreensão, vamos aguardar os próximos títulos e conferir.

    Bjssss!

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!