[Resenha] He - A chave do entendimento da psicologia masculina

He - A chave do entendimento da psicologia masculina

He - A chave do entendimento da psicologia masculina
Trilogia He, She, We - Robert A. Johnson
Sinopse - Mercuryo Novo Tempo - 2009 - 127 páginas


Será através de Parsifal e da busca do Santo Graal que entraremos em contato com um dos mais enigmáticos mitos conhecidos. O Mito do Santo Graal, oriundo do século XII, é referência para inúmeras sagas, ele próprio reflexo da clássica jornada do herói, amplamente utilizada como estrutura de codificação literária, é decodificado por Robert A Johnson em He.

O autor apropria-se desse mito medieval, para através dos aspectos simbólicos das personagens, clarificar aspectos da personalidade e do comportamento masculino. Seguindo o mapa do tesouro, em sete capítulos curtos e profundos, todos os segredos do Castelo do Graal que mamãe não nos contou, ou contou?

Como desenvolvem-se os meninos, quais suas buscas, seus receios, seus conflitos? Qual o seu lugar em uma sociedade em que a mulher lhe toma as rédeas desde a primeira infância, onde a figura do Pai lhe é cada vez mais ténue e confusa? Em que a mulher deixa de ser a Deusa e passa a ser a Amazona? Seria esse o motivo da alienação masculina? Da falta de interesse de tantos homens? Em He vamos descobrir o porque de tudo isso.

Esse é o Mapa do homem moderno constelado em um Rei Pescador que está ferido de morte, agonizando, necessitando de um Salvador(a):

“O primeiro passo do homem para sair do Éden e entrar no mundo da dualidade é sua ferida-Rei-Pescador: a experiência da alienação e do sofrimento que vai impulsioná-lo para o início da conscientização.”

Uma vez ferido, ele buscará sua cura, no entanto apenas um jovem Tolo poderá salva-lo como diz a lenda, e a simbologia que a envolve fornece chaves para o que ocorre no mundo real:

“É como se buscasse uma solução inconsciente, fora de si próprio, queixando-se de seu trabalho, do casamento ou do lugar que tem no mundo. Pode até, nesta fase, tentar encontrar uma outra mulher.”

Animus, de espada em punho o Guerreiro.
“As cobranças” e os direitos da Donzela.

E as mulheres, como identificam e desenvolvem seu lado masculino conhecido como “animus”? Como interagem com ele em uma sociedade que as obriga a assumir responsabilidades que anteriormente eram de âmbito exclusivamente masculino? A resposta está em Branca flor, é a maneira como interage com Parsifal, que nos fornecerá o insight para o verdadeiro sentido de uma mulher na vida e realização de um homem. 

Você deve a essa altura estar pensando: 
Nossa, tudo que eu queria saber, mas será que vou entender? 

Se o tema é complexo o mestre é soberbo. Em He, o intrincado mito do Graal é desvendado e transposto à atualidade com uma eloquência e fluidez, passíveis somente de um arqueólogo da alma como Johnson.

Conhecimentos preciosos sobre o universo masculino estão disponíveis em uma leitura deliciosamente cativante e surpreendente, creiam, vocês precisam ler e ser este pequeno manual, ops, livro.

Recomendado para mulheres que querem ser amadas.
Uau, hein? E você, quer?


Trilogia He She We




Esta leitura foi uma cortesia da Mercuryo Novo Tempo.
O que acharam? Comentem! By .:.

11 comentários

  1. Bom como eu já disse que não conhecia essa trilogia, mas estou gostando bastante das suas resenhas sobre ele =) e pretendo ler sim.
    Adoro esse estilo de livro.

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito desse segundo livro , li a sua resenha de she e ja fui procurar os livros pra comprar , achei carinho , vou esperar uma promo , ai quando eu ler venho aqui dizer o que achei .

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o livro,mas me interessou demais,vou procurar sua resenha de She e saber mais desse livro.A resenha me deixou curiosa e doida para ler.

    bjss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia essa série e achei o enredo bem complexo, mas se tiver uma oportunidade eu lerei .

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Rosem! Oi Elis!
    Não conheço essa série e fiquei bem curiosa para conhecer. Confesso que, pela capa, não atrai (rs), mas a história parece ser bem interessante. Daria uma chance a ele.
    Beijos
    http://www.coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Ops...eu escrevi a história, mas o que queria mesmo era escrever o tema. rs

    ResponderExcluir
  7. Meninas lindas, obrigada pelas visitas e comentários!

    Neyla, também estou adorando essas resenhas da Rosem, tá me assanhando pra ler a série rsrsrs...

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nenhum livro dessa trilogia. Aliás, eu li em outro lugar, que é melhor começar a ler a trilogia pelo livro She e só depois ler o He. Não entendi bem o porque disso, mas o melhor mesmo é ter os três em mãos e ler toda a trilogia.

    ResponderExcluir
  9. Que interessante essa série!
    Gostei da resenha e de conhecer um pouco mais sobre o livro ;)
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  10. Queria comprar os três? tem como?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Deda!
      Caso não tenha encontrado nas lojas virtuais, segue o contato direto da Editora Mercuryo, mas não tenho certeza se eles estão ativos:

      Fone: (11) 5531 8222

      Rua Gomes Freire, 234
      Lapa - São Paulo, SP
      05075-010 - Brasil

      Beijos.

      Excluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!