[Resenha] Ladrão de Almas

Ladrão de Almas - Alma Katsu

Ladrão de Almas - Alma Katsu
Trilogia Taker - Livro 01
Sinopse - Novo Conceito - 2012 - 432 páginas


Entre o Passado e o Agora... Alma Katsu é arrebatadora! Estamos no Maine, um lugar propício para histórias enigmáticas, repletas de mágica bizarra e um passado não menos estranho, no entanto logo nos primeiros capítulos somos abordados por um cenário invernal, insólito.

Uma cidade caipira, sem nenhuma perspectiva, uma vida cotidiana enfadonha, árida, temperada pela decadência, nos é espelhada pelos olhos do Dr Luke Findley, médico de vida pacata e sem grandes atrativos, fria como o lugar, como ele mesmo, solitário e sem nenhuma expectativa quanto ao futuro. 

Então Lanore McIlvrae surge e desestrutura a vida do Dr. Luke, o impressiona a ponto de fazê-lo abandonar tudo que acredita, a fim de conhecer a natureza dessa mulher que transformará completamente sua vida.

O que você seria capaz de fazer por amor? Esse é o mote da história, hoje e antes. Lanore vai contar sua história a Luke, a saga de um amor que atravessou o tempo, enquanto eles próprios tentam atravessar as fronteiras e deixar para trás o passado que ambos já não podem mudar. 

E senta que lá vem história... em 1ª pessoa com truque de 3ª bem maquiada. O relato é impressionante, sensacional, com personagens que irão do peculiar ao exótico. Somos conduzidos por Lanore à sua infância no final do século 18, em uma pequena província rural, ao lado do seu primeiro, grande e platônico amor pelo belíssimo Jonathan, em uma sociedade em que a mulher ainda era vista como moeda de troca e que a religião manipulava os costumes e hábitos sociais, isso, enquanto ela mesma conduz Luke ao descaminho de suas mais arraigadas convicções.

E nos já não conseguimos nem respirar, afinal tratam-se de confidencias capazes de arrancar um homem de suas raízes, e isso não é pouco, certo?

Logo vamos perceber que desde o inicio Lanore era uma transgressora. Absolutamente desatenta às regras, essa grande protagonista/antagonista vai surgindo diante de nossos olhos, ela é dúbia e constante, boa e má, sensata e ousada. Obcecada pelo amor... é contraditória, tanto no passado como no presente Lanore é um paradoxo.

Uma caixinha de surpresas, a história dentro da história... Nas aventuras e desventuras de Lanore, chegamos a Boston, entre o luxo de fortunas européias vamos conhecer outro enigma andante: Adair, o Lorde “cigano”, leiam e entendam porque, hehehe... Belo, selvagem, riquíssimo, poderoso, misterioso, cruel, passional e... Imortal.

Sim imortais, mas não são vampiros, houve um tempo em que alguns homens detinham o conhecimento sobre a vida e a morte, algumas pessoas chamavam esse dom de sabedoria, outros o definiam como feitiçaria, Adair é um homem que detém certos dons e muiiiiiiiito conhecimento.

Laços, desejos proibidos, obsessão, punições, ardilosas traições, amantes e inimigos imortais.
Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiii, perfeito, expectativas absolutamente satisfeitas!

Creio que Lanore poderia ensinar um ou dois truques à Marquesa Merteuil*, mas Adair com certeza deve ter sido amigo íntimo do Marquês de Sade**, ou teria Katsu se inspirado Nele? Só saberei a resposta ao final de Refém da Obsessão, que já comecei a devorar.

*personagem do livro Ligações Perigosas – Choderlos de Laclos.
** Aristocrata e Escritor Francês.
Ambos são escritores libertinos do séc 18, coincidência hein?

Trilogia Taker




Ainda não foram lançados por aqui:


Essa leitura foi uma cortesia da Editora Novo Conceito.
Aguardamos seus comentários! Beijos...

31 comentários

  1. Nossa, não conhecia o livro, mas fiquei muito interessada! Interessante uma amor que ultrapassa o tempo e com certas pitadas de erotismo.

    Adorei a resenha e já estou seguindo o blog!

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem-vinda ao Passional Isabela, vou lá conhecer seu blog.
      Beijos... Elis Culceag.

      Excluir
  2. Tenho o livro e não dei importância a ele por não falar de uma hisória possível, bem pé no chão, como eu gosto. Até que vem você com essa resenha e me fez repensar...
    Que envolvente essa visão da história! Começo a achar que um toque de fantasia é possível quando a narrativa é bem contada, quando há habilidade no autor em envolver o leitor em sua imaginação e conduzi-lo a um mundo de novas possibilidades... senti isso ao ler suas impressões! Adorei o passado bem distante interferindo no presente, nas histórias que Lanore vai contar. Vou ler!

    ResponderExcluir
  3. sabe isso é muiito injusto voce devora um livro,roe as unhas pelo tão aguardado final....e aí eles te deixam esperando tanto tempo que no final você já tá como uma ulcera de tanta curiosidade :(

    ResponderExcluir
  4. Oi Rosem!

    Pelo que você escreveu a história parece ser fascinante ainda mais que tem confidências ( essas quais você me deixou morta de curiosidade para saber, isso não se faz ). Adorei saber que tem desejos proibidos e claro que não poderia faltar as traições, que sempre tem em um bom livro! Adorei saber que a protagonista não é aquela politicamente correta que te dá nos nervos!

    Amei sua resenha e foi maldade sua me deixar com tantas dúvidas sem esclarecimento...hehehehe

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Acho a capa dele muito linda, a do segundo mais ainda, mas a sinopse me deixa muito confusa e não consigo entender sobre do que a história realmente se trata. Sinceramente a sua resenha só me deixou com mais dúvidas... Tipo ela chega no hospital e começa a contar a sua vida toda pro médico e ele se apaixona por ela nesse meio tempo? Ou a narrativa vai focar no passado dela? Talvez esta seja uma daquelas histórias em que você precisa arriscar mesmo sem entender o contexto...

    ResponderExcluir
  6. Nossa, que história linda, adorei! Acho as capas desta série maravilhosas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Nunca tinha ouvido falar no livro, acredita?
    Achei super interessante!

    http://fakereader.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Amei esse livro... A caracterização da obra e personagens é ótima e a trama vai te envolvendo de um tal jeito, que em algumas passagens você perde o fôlego. Sem falar que a obra é muito bem escrita.... Ainda não li Refém da Obsessão, mas não vejo a hora de ler e descobrir o que irá acontecer com Lanore e Luke, porque Adair, bem, não quero nem pensar!!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi Rosem, olha eu ja li algumas resenhas desse livro e não foi algo que me atraiu, sua historia não é algo que me anima a ler, o nome eu acho bem forte, instigante, mas não me deu um up :(
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. O livro chamou minha atenção pela capa,sua resenha está incrível,parabéns fiquei super curiosa para ler,ganhei o livro e vou começar a ler e acompanhar a história,gostei quando você descreveu os personagens, definiu a história como enigmática e ainda fez ligação com personagem de outro livro.
    Na expectativa para ler e acompanhar a continuação em Refém da Obsessão.

    ResponderExcluir
  11. Opa tem confidências eu quero saber!!! Não conto para ninguém kkkk eu quero saber o que ela é ou ela é uma simples imortal... O lorde cigano não aparece e acaba com as confidências né kkkk. To na curiosidade ela é assassina ou não???

    ResponderExcluir
  12. Oi Rosem!
    Eu ainda não li Ladrões de Alma por puro medo. Vi umas resenhas tão negativas que acabei adiando. Mas com a chegada do 2º livro e com essa sua resenha maravilhosa me incentivando, não tem mais como adiar, né?
    Beijos
    http://coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Li algumas resenhas sobre esse livro, que me deixaram com uma opinião bem dividida sobre ele, mas gostei de saber que de alguma maneira o passado interfere no presente, através de confidências de uma “mocinha”, que não tem medo de lutar por aquilo que quer. Também achei personagem Adair bem instigante e fiquei bem curiosa para descobrir seus mistérios.
    Ótima resenha Rosem!!

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Nossa, que arraso de capa é essa? Linda demais! Mas confesso que o livro não parece ser muito o meu estilo não... bom, exceto pela parte do Lorde “cigano” belo, selvagem, riquíssimo, poderoso, misterioso, cruel, passional e Imortal. Isso sim chamou minha atenção, hehe. Livro em primeira pessoa me dá um pouco de agonia, mas fiquei curiosa com esse "truque de 3ª bem maquiada". Quem sabe um dia eu não me aventure a descobrir, né?! rs....

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  15. Só leio resenhas elogiando esse livro, quero muito ler, adoro esse tipo de história! :)

    ResponderExcluir
  16. Particularmente não curto essa temática e por isso, desde o lançamento, não tive interesse na leitura.
    Mesmo sendo sobrenatural parece que a narrativa é diferenciada, em vários aspectos, comparando aos lançamentos que temos visto ultimamente.

    ResponderExcluir
  17. Que perfeito, ameeei!!! e que capa 'o'
    ahsuahs legal a história se passar no século 18

    ResponderExcluir
  18. Elis do céu!
    Cada vez mais creio que gosto é uma coisa tão diferente e mágica, não é mesmo?!
    Não li nada muito bom a respeito desse livro antes, mas vc fez essa resenha de forma tão intensa que não tem como não acreditar que o livro seja bom meeessmoooooo.
    Agora to com vontade de conhecer esses imortais não vampiros...
    Quero ficar sem ar como você e conhecer essa magia da narrativa em 1ª pessoa que parece 3ª pessoa.

    Beijos amiga e parabéns pela resenha encantadora e que colocou mais um livro na lista de "vou ler".

    beijos
    Chrys Audi
    blog Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que ficou tão empolgada Chrys, mas o mérito é todo da Rosem rsrsrs... também adorei a resenha e fiquei curiosa com a história e com os detalhes que ela me contou em Off ;)
      Beijos!

      Excluir
  19. Oieee!!!
    Eu sou doida pra ler esse livro mais ainda não tive a oportunidade =/
    Amei a resenha que me empolgou ainda mais, acho interessante imortais que não seja vampiros né!"!"
    Adoro a capa desse livro é linda ♥
    Se eu conseguir pretender esperar lançar todos aqui primeiro pra ler tudo de uma vez mas sei não se aguento =)
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oiiiiiiii
    ahh já tinha visto esse livro, já passei por ele varias vezes, parei, olhei mais como nunca li uma resenha dele então não sabia se era bom mesmo, mais da proxima vez que eu vê ele eu compro porque ameii a resenha fiquei curiosa porque pelo jeito o livro e bom e ainda tem imortais no meio uuuiii amoooo kkk

    ResponderExcluir
  21. Olha confesso que não esperava tanto desse livro, achei fosse algo mais do mesmo, mas pelo visto estou enganada e sua resenha me deu uma outra visão do livro, acho que vou lê-lo ;)

    ResponderExcluir
  22. Oi Elis
    Estou com esse livro aqui na minha pilha de leitura e depois de ter lido a sua resenha,acho que vou puxar ele para o topo da pilha :D
    Parabéns pela resenha, ficou ótima!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  23. Agora sim! Uma resenha que me deixou com curiosidade do livro!Quer dizer que a mocinha de nome difícil, Lanore, é boa e má? Isso é cativante ou irritante? KKKK Pelo que li a autora conseguiu te fisgar de jeito! Já sei que vou ler a resenha de Refém da Obsessão doida pra ter um spoiler. HSUAHSUAH Eu vou demorar muuuito tempo pra ter o livro comigo.. então qualquer spoiler sobre o fim será muito bem vindo! :x
    www.nyasmim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Terminei de ler essa semana Ladrão de Almas,
    apesar de bizarrices, de eu não gostar de sobrenaturais, no geral, e de ter achado alguns personagens e trechos da estória superficiais,
    NÃO CONSEGUI LARGAR O LIVRO!

    É mto original e intrigante, cheio de surpresas ao longo da estória ;)

    Curti!

    Curti tb a resenha, eu não conseguiria resenhar este livro pelo entrelace de tantas estórias e tal, mas vc fez isso mto bem ;))

    :*

    ResponderExcluir
  25. Confesso que sempre quis esse livro porque acho a capa muito bonita, não havia lido a sinopse . Amei a resenha e agora o quero mais ainda.

    ResponderExcluir
  26. AMEI, AMEI, AMEI. Tô para ler Refém da Obsessão, mas tu acha que com esse tiitulo animo? =(
    Tenho certeza que o livro é bom, bem pelo menos assim espero.

    Beijinhos ♥ ♥
    www.intheskyblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Sou super curiosa pra ler essa serie (acho que é uma serie) ela me parece que prende o leitor durante a leitura e tu nao consegue desgrudar do livro, achei as capas lidinha, Refem é linda *0*
    Ja esta na minha lista de desejados.

    xx

    ResponderExcluir
  28. Já li os dois e estou ansiosa pelo terceiro, eu simplesmente não tenho palavras para descrever o livro, então vou falar da autora, ela é maravilha, com uma mente criadora espetacular. Virei fã incondicional dela, comprarei qualquer livro que for lançado aqui no Brasil dela. E a trilogia passou a ser uma das minhas preferidas.

    ResponderExcluir
  29. Amei ler esse livro!!
    Eu sou totalmente apaixonada pelo Adair!!!!
    Li o primeiro e o segundo, doida pelo terceiro! Dos dois o segundo é o meu preferido!! O Adair vira um anjo de pessoa (nem tanto kkk, mas o suficiente).
    Simplesmente fã do Adair ele é o tipo de personagem que sai das páginas e cria vida, e a Alma Katsu soube exatamente o que fazer pra ele se redimir!!
    Ele nunca foi amado, desde bebê quem não ficaria mal??

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!