[Resenha/de banca] A Paixão de Liz

A Paixão de Liz - Sherryl Woods

A Paixão de Liz - Sherryl Woods
Sinopse - Editora Harlequin - 2014 - 256 páginas


Kevin é um garoto de 8 anos, que enfrenta dificuldades de aprendizagem na escola e possui comportamento agressivo. Sua professora, Liz Gentry, tentou ajudá-lo de diversas maneiras sem obter resultados. Pra piorar, o pai de Kevin se recusa a comparecer na escola pra conversar sobre os problemas do filho, Liz já lhe enviou vários bilhetes e todos foram ignorados.

Todd Lewis cria o filho sozinho. Ele é empreiteiro, está supervisionando a construção de um grande shopping e tem poucos momentos a sós com Kevin. Ao receber um único bilhete ríspido da sra.Gentry (Kevin não lhe entregou os anteriores), Todd fica furioso, pois sabe que o filho é agitado, mas acha que se a professora não consegue controlá-lo é porque não está sabendo fazer o seu trabalho direito.

O primeiro encontro entre Todd e a profª Liz é cheio de fúria, frustração, confusão e arrependimentos, por fim os dois percebem que estavam enganados à respeito um do outro e que ambos só querem o melhor para Kevin. Liz convence Todd a marcar uma consulta para Kevin com uma terapeuta que utiliza atividades de interação com golfinhos como forma de incentivo aos pacientes, obtendo assim ótimos resultados.

A terapeuta descobre que Kevin tem Dislexia, Liz passa a acompanhar Todd durante o tratamento e eles se apaixonam. Mas Liz não quer se envolver, no passado ela perdeu o marido e a filha num acidente de carro e tem medo de amar novamente. Todd também possui problemas, além de ter sido abandonado pela esposa, é dislexo como o filho e com vergonha, esconde isso de Liz. Os dois concordam em ser amigos, a convivência os empurra para algo mais, só que para tornarem-se um casal, Liz e Todd precisarão enfrentar seus traumas e confiarem um no outro.

Essa foi a minha primeira leitura da Sherryl Woods, achei que a questão da dislexia e as dinâmicas de convivência em família foram bem trabalhadas, mas senti algo estranho na ambientação e na rotina dos personagens, bem como um certo pudor nas cenas sensuais, então descobri que, apesar de ter sido publicado recentemente, esse livro foi escrito em 1989, então é claro que de lá pra cá muita coisa mudou!

Apesar do título do livro, não considerei Liz uma mulher passional, ela não se entregava de verdade na relação e quase abandonou Todd por um motivo ridículo, precisou que os amigos chamassem sua atenção pra ela perceber que estava jogando fora sua felicidade e mudar de atitude. Todd no início também não foi um pai atencioso, se ele próprio sofreu pra caramba quando era estudante por conta da dislexia, porque não prestou mais atenção à vida escolar do filho? Mas Todd, Liz e Kevin tem uma convivência muito bonita, juntos eles são mais fortes e felizes.

Meus personagens preferidos foram Hank Riley e Ann Davies, amigos do casal. Hank é sócio de Todd na construtora e Ann é a terapeuta que está cuidando do Kevin, para mim esses dois coadjuvantes foram fundamentais na história. Descobri que eles são o casal principal de outro livro, Tea and Destiny, ainda não publicado por aqui. #PublicaHarlequin!

Quero ler algum livro mais recente da Sherryl Woods pra formar uma opinião atualizada sobre a obra dela. Tenho em casa Um lugar para o Amor e Um lugar para o coração, assim que fizer a leitura, contarei pra vocês o que achei ;)

Essa leitura foi uma cortesia da Editora Harlequin.
Aguardamos seus comentários!! Beijos...

23 comentários

  1. adoro os romances de banca, histórias de professoras e as interações com a familia é bem bacan ade ver. entendo essa sua ressalva a cerca da rotina, os anos se passaram... muita coisa mudou e os pudores também
    ainda não li nenhum livro dessa autora, alias ela é nova na editora e estou curiosa acerca de sua forma de escrever
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila!
      É sempre bom experimentar novas autoras, depois me conta o que achou da Sherryl!! Beijos!

      Excluir
  2. Oi Elis.
    Já tinha me interessado pelo livro, agora quero lê-lo com certeza.
    Não consigo entender como o pai de Kevin pode deixar seu filho "sozinho" depois de ter passado pela mesma situção que ele. Estou curiosa para conhecer seu personagens favoritos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sara!
      É mesmo estranho, pois ele é um pai amoroso, mas não prestava atenção na vida escolar do filho. Talvez ele não quisesse demonstrar pro filho aquilo que ele encarava (por falta de esclarecimento) como uma "fraqueza" pessoal. Beijos!!

      Excluir
  3. Oi Elis!
    Não li nada da autora, mas a sinopse desse livro não me interessou muito... quem sabe depois de ler as suas resenhas dos outro livros fico mais curiosa...
    Beijos
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os outros dois livros tem as sinopses bem interessantes, estou curiosa pra conferi-los ;)
      Beijos!!

      Excluir
  4. Não curti muito o enredo não... mas é intrigante o fato do pai não ter dado atenção ao filho no inicio, depois de ter passado pela mesma situação que ele.
    Vou aguardar as próximas resenhas dos outros livros dessa autora, e ver se eu gosto ;)
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi elis , Estava na intensão de ler esse livro , Maais nao sinto a mesma vontad d antes !! não gostei muito da resenha , Poois gosto de ler livros d romances juvenis , pensei e liz de outro jeito ! uma adolescente !! maais quem sabe , eu me interesse dnv

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel!
      Os romances de banca da Harlequin sempre trazem protagonistas adultos, mas clicando na Tag "Juvenil" ou "Jovem Adulto" no rodapé do blog, você encontrará romances indicados para o público mais jovem. Beijos!!

      Excluir
  6. Eu já havia me interessado por esse livro quando vi a capa.
    Gosto muito de romances e gostei bastante da sinopse desse livro que apesar de ter alguns conflitos de convivência familiar é bem "leve".Com relação a falta de atenção de Todd em relação ao filho,acho que também se deve ao livro ter sido escrito em 89....Com certeza esse é mais um que vai pra minha listinha.Bj.

    ResponderExcluir
  7. Amei a capa do livro. E gostei muito da resenha. Parabéns. Gosto muito de romande de banca.

    Beijos

    www.viagem-imaginaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, o livro parece ser interessante, achei de inicio que a historia seria linda, mas ai você falou mal da Liz, mas com toda certeza ele deu mancada né, como ia abandonar o cara por uma coisa ridícula? Eu quero saber o que é, mas o livro parece ser bom, pois tem toda a historia do tratamento do Kevin, eu gostaria de ler.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila!
      Apesar dos personagens darem umas mancadas no meio do caminho a história é bonita, quando ler me conta o que achou ;)
      Bjs!

      Excluir
  9. Oi Elis,
    Ainda não li nada da autora, mas gostei da capa e da trama.
    Achei interessante você ter mencionado a forma diferente como a autora escreve as cenas, já que a trama se passa em outra época. Curiosa para acompanhar a relação dos protagonistas.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Elis...Ainda não pude ler nada desta autora, e desde o lançamento dos livros deste editora, este foi o que mais chamou minha atenção, gostei bastante de poder conferir a resenha dele, mas ainda sim lerei outras resenhas antes de inclui-lo na minha lista de livros desejados!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  11. Oi Elis, não tinha visto nenhuma resenha deste livro ainda, e me apaixonei. Quero ver como a autora vai tratar do envolvimento do casal junto ao problema do garotinho.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  12. Amei a história, ainda mais por ser da minha coleção preferida Rainha dos romances. Não sei se tenho esse livro, mas gostei tanto que se eu tiver vai ser o próximo a ler.

    ResponderExcluir
  13. Você se lembra do comecinho do livro, a professora Liz ligava para a vizinha para deixar recado para o Todd, bem antiguinho, viu como as coisas muda depressa :)m

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, se fosse hoje ela faria um contato por celular, e-mail...
      Beijos!!

      Excluir
  14. eu n conhecia o livro e um detalhe me lembrou o ultimo livro do nicholas sparks que eu li: Uma curva na estrada.... o fato de o casal se conhecer numa reuniao de pai e professora kkkkk mas no do nicholas o casal se da bem logo de cara :3
    acho q n lerei esse ai nao ;/

    ResponderExcluir
  15. Pareceu ser um livro pelo qual eu não me interessaria quando li a resenha no começo, mas no final eu fiquei um poco mais focada (eu amo livros que vem com alguma lição de moral, ou aprendizagem, a melhor parte de se tornar um leitor é saber algumas lições de vida sem precisa prová-las).
    Enfim vou tentar ler, minha mãe é professora para crianças na idade do Todd, então acho que ela também vai querer!!

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Ainda não li nenhum livro dessa autora...e pela sua resenha acho q. vou gostar mas tbém vou ficar na vontade de ler outro dela para tirar conclusões, kkkkk
    Mas a história em si é bacana! Gostei!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!