[Resenha] Ligeiramente Escandalosos

Ligeiramente Escandalosos - Mary Balogh

Ligeiramente Escandalosos - Mary Balogh
Série Os Bedwyns - Livro 03
Sinopse - Editora Arqueiro - 2015 - 288 páginas


Freyja Bedwyn estava a caminho de Bath, não por apreciar a famosa e calma estação de águas, mas porque precisava desesperadamente afastar-se de Leicestershire, onde seu vizinho -  e primeiro amor - ostentava toda a sua felicidade ao lado da esposa, grávida do primeiro filho prestes a nascer.

No entanto, ao contrário do tédio que Freyja contava sentir nos próximos dias, as coisas ficaram agitadas em Bath quando ela foi formalmente apresentada a Joshua Moore, o marquês de Hallmare. Na verdade, os dois já haviam se cruzado recentemente, em situações inusitadas que terminaram com Freyja socando o nariz do marquês. Independentemente da hostilidade anterior, ambos possuem tanta afinidade que passam a interagir cada vez mais até que, após um pedido urgente de Joshua, Freyja aceita tornar-se sua noiva [de mentirinha].

" Pensava nele como alguém agradável com quem flertar, alguém divertido até para se mentir junto, mas de forma nenhuma um homem que desejasse como companheiro para o resto da vida. (...) Esperava que nada disso estivesse prestes a mudar, mas tinha a terrível sensação de que talvez acontecesse." [Freyja]

A farsa deveria durar um curto período de tempo, todavia uma coisa leva à outra, o casal enrola-se cada vez mais em sua mentira e o relacionamento que começou com uma divertida animosidade, transformou-se num flerte travesso e evoluiu para um acordo de ajuda, aprofunda-se num romance de verdade, que os dois jamais desejaram ou previram acontecer.

" Que Deus nos ajude, pensou ele. O que os dois estavam fazendo? Iam se meter em águas profundas, em mais de um sentido." [Joshua]

"Ligeiramente Escandalosos" é uma leitura deliciosa, Freyja e Joshua tem uma química adorável! Eles são altivos, orgulhosos, sarcásticos, extremamente inteligentes e ricos; ela, uma nobre de nascença; ele, um nobre por herança. Mas é por trás do sorriso debochado de Joshua e do olhar de desdém de Freyja que ambos escondem suas inseguranças.

Apesar de estar sempre de nariz empinado, Freyja se acha uma mulher feia e após o fracasso de um relacionamento no passado, pensa que não encontrará mais felicidade no amor. Joshua, por sua vez, apesar de parecer estar sempre alegre e despreocupado, sente-se uma "fraude" no papel de marquês, um título que sustenta apenas porque seu primo morreu (em circunstâncias estranhas) antes de gerar um herdeiro.

O que eu mais gostei nesse relacionamento foi que, somente ao encarar seus respectivos passados, um dando apoio ao outro durante as situações difíceis, que um sentimento forte e verdadeiro nasceu entre eles. Os dois pegavam fogo juntos sim, contudo o que forjou o amor do casal foi a confiança e o companheirismo que vivenciaram em sua jornada.

Outra coisa marcante neste livro foi a ambientação, além de conhecer um pouquinho mais de Bath, amei a segunda metade da história quando Freyja, Joshua e vários membros da família Bedwin partem para Penhallow, na Cornualha, sou simplesmente fascinada por essa região, o que contribuiu para que eu ficasse maravilhada com cada pedacinho de terra descrito pela autora e por todas as cenas lindas que aconteceram por lá.

" No extremo oeste do vale, a cerca de um quilômetro do mar, empoleirada em um amplo platô acima da metade da encosta da montanha, erguia-se uma grande e imponente mansão de pedra. Estava meio virada para o mar, os gramados de aparência suave espalhando-se ao redor e descendo pela montanha com canteiros de terra escura que deviam ser jardins floridos no verão. Cercada pelas belezas naturais da costa marítima de Cornish por todos os lados, a casa era como uma pedra preciosa perfeitamente lapidada."

"Ligeiramente Escandalosos" é o terceiro livro da série Os Bedwins, quem leu Ligeiramente Casados e/ou Ligeiramente Maliciosos estará familiarizado com os membros da família que marcam presença nessa trama, porém não é obrigatório ter lido os livros anteriores para apreciar a leitura. Quero muito ler os próximos volumes que contarão as histórias de Morgan, Alleyne e Wulfric, e recomendo bastante a série para quem adora romances de época, assim como eu.

Série Os Bedwyns


1 - Ligeiramente Casados (2014) - Aidan Bedwyn e Eve Morris
2 - Ligeiramente Maliciosos (2015) - Rannulf Bedwyn e Judith Law
3 - Ligeiramente Escandalosos (2015) - Freyja Bedwyn e Joshua Moore
4 - Ligeiramente Seduzidos (2016) - Morgan Bedwyn e Gervase Ashford
5 - Ligeiramente Pecaminosos (2016) - Alleyne Bedwyn e Rachel York
6 - Slightly Dangerous (em breve) - Wulfric Bedwyn e Christine Derrick

Prequels
1. One Night for Love - Neville Wyatt e Lily Doyle
2. A Summer to Remember - Lauren Edgeworth e Kit Butler (ligação c/ a Freyja)


Essa leitura foi uma cortesia da Editora Arqueiro.
Aguardamos seus comentários! Beijos...

8 comentários

  1. Eu amei Freyja e Joshua, dois personagens que ficarão um bom tempo na memória.
    Postei hoje também minha resenha dele lá np Sempre Romântica, depois passa lá.
    Beijokas.
    Adorei sua visão sobre o livro, foi parecida com aminha.

    ResponderExcluir
  2. eu adorei este livro pois nos anteriores ja tinha criado uma empatia com Freyja que só veio a se fortalecer com a história, adorei o jeito dela de não se intimidar!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi
    Estou adorando essa série <3
    Os dois primeiros foram ótimos e agora estou lendo esse da Freyja Bedwyn e amando!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  4. Amei esse livro, já tinha simpatizado e muito pela Freyja nos livros anteriores, a história de Freyja e Joshua foi excelente, estou super ansiosa pra ler os próximos livros dessa série, curdo muito romance de época.

    ResponderExcluir
  5. Hello!
    2015 foi o ano dos romances de época, pelo menos eu que amooo esse genero foi otimo termos tantos lançamentos.
    Série Os Bedwyns é uma das melhores que eu acompanho, apesar de ainda nao ter lido Ligeiramente Escandalosos, só vejo resenhas bem positivas.
    Nao ligo pel historia cliche do casal que finge ficar juntos e no final se apaixonam, desde que seja bem escrito, acho que vale a leitura, e pelo jeito Mary Balogh mais uma vez nos encanta.
    Beijos.

    ♥ Blog Livros e Sushi ♥
    https://livrosesushi.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Elis!
    O bom nos livros de época é justamente a ambientação que é totalmente diferente do nosso mundo atual.
    O romance parece bem desenvolvido e não foi daqueles romances instantâneos.
    “Feliz Ano Novo, que este ano seja superado pelo velho em felicidades, amor, esperança, fé, paz e que o ano seguinte seja em dobro, tenha um feliz e prospero ano novo.” (Chium)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  7. Gosto muito desta autora, muito obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  8. Gosteeei, adoro histórias de casais que se apaixonam inesperadamente, acho que quando duas pessoas sentem uma certa "aversão" uma pela outra e depois acabam juntas é muito mais interessante... romances de época são ainda melhores do que os outros...
    Obrigada pela dica!
    Beijos

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!