[Resenha] As transformações do Mito através do tempo

As transformações do Mito através do tempo - Joseph Campbell

As transformações do Mito através do tempo - Joseph Campbell
Sinopse - Editora Cultrix - 2015 - 264 páginas


Joseph Campbell em minha opinião é o maior mitólogo do século, os conhecimentos que adquiri através de sua obra são incomensuráveis, neste “As transformações do mito” temos um apanhado singelo e resumido dos assuntos que ele nos desvendou de forma brilhante em títulos como “As máscaras de Deus”, “O herói de mil faces”, “O poder do mito”, portanto podemos considerá-lo como ponto de partida para iniciação na obra deste fenomenal autor.

A obra trata de uma copilação de treze palestras que Campbell ministrou nos últimos anos de sua vida, assim trata-se de um legado amadurecido de sua experiência quanto a mitologia e religião comparada, seus objetos de estudo e dedicação, aqui temos um conhecimento depurado e de maestria inigualável principalmente no que tange ao estudo da Kundalini.

A relação entre o matriarcado e patriarcado, comparada com aspectos históricos é excepcional, e podemos sentir esse maravilhoso autor no ápice de sua consciência nos encaminhar para reflexões nunca antes imaginadas, principalmente aos leitores que como eu acompanharam a evolução de seu pensamento e escrita.

Em um mundo que enfrenta inúmeros terrores em nome do confronto de credos, Campbell nos leva a refletir sobre a natureza de Deus, e em sua análise comparativa chegamos à conclusão de que só existe um Deus, independente de sua nomenclatura.

Há muito de religião nesta obra, mas não somos todos nós filhos de nossas crenças? O exuberante é o encontro com os arquétipos junguianos, a equiparação de credos, a descoberta de como o cristianismo é apenas uma releitura do paganismo, seus ritos e mitos são todos reproduções de ritos pagãos, pois é, dados históricos... Diante da tecnologia, amplitude de informação, só permanece na ignorância quem quer, Campbell aos poucos e com excelência vai nos inteirando da descendência do cristianismo, e ao arrepio dos conservadores: todo cristianismo tem base no paganismo decodificado. 

E quanto ao amor... Os três últimos capítulos retomam os mitos arturianos em conjunto com a saga de Tristão e Isolda, o amor cortês dos Bardos do século XII, e seu reflexo nas atuais crenças que ainda são carregadas de dogmas e que geram inúmeros conflitos na atualidade, e chegamos a conclusão de que somos tal qual nossos ancestrais. [Oh my God!]

São assuntos delicados pois tratam de convicções muito arraigadas, é preciso ler Campbell refletir, depurar e descobrir algumas faces da “verdade”. 

Magnífico!
Recomendadíssimo...

Essa leitura foi uma cortesia do Grupo Pensamento.
Aguardamos seus comentários! By.:.

11 comentários

  1. oi Elis, Rosem, deve ser bem bacana essa proposta de explorar os mitos, que são elementos culturais e constantemente em transformação

    felicidadeemlivros.blogspot.com.br/2016/01/resenha-ilha-da-paixao.html

    ResponderExcluir
  2. Adorei,parece incrível!O mito tem esse poder de evocar reflexões e conexões,a parte dos arquétipos junguianos muito me atrai.Ah,o amor,já li algumas análises usando Tristão e Isolda.A resenha mostrou bem os pontos abordados no livro.
    Espero ter a oportunidade de ler,assim como outras obras do Campbell,sou apaixonada por mitologia.

    ResponderExcluir
  3. Me Atraiu muito esse livro e a resenha mostrou muito bem o livro que me deixou ainda com muita vontade de ler e vou atras do Campbell pra ler ele e esse ^^

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Apesar de curti mitos, esse livro não me chamou muita atenção...quem sabe se eu tiver a oportunidade de ler, eu leia.
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Facebook
    Twitter
    Instagram

    ResponderExcluir
  5. Oi Elis, esse não é o tipo de gênero literário que eu costumo ler mas eu fiquei curiosa em relação ao livro já coloquei na minha lista de leitura e como sempre sua resenha está maravilhosa bjs.

    ResponderExcluir
  6. Amo livros sobre mitologia, apesar de não ler muitos deles, esse me interessou bastante. Fiquei curioso depois de sua resenha =) Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Interessante demais o tema que o autor aborda. Apesar de não gostar muito deste gênero em específico, acredito que isso seja um assunto bastante próximo de todos nós, afinal, todos temos crenças, quaisquer que elas sejam. Confesso que precisaria estar bem à vontade para me preparar para a leitura e aproveitá-la ao seu máximo.

    ResponderExcluir
  8. Estou doida pra ler esse livro, curto muito mitologia e essa resenha me deixou ainda mais interessada em conferi essa não-ficção.

    ResponderExcluir
  9. eu li um trecho do livro do campbell e são livros bastante interessantes para se aprofundar mais no assunto de mitologia, e eu que sou apaixonada por mitologia eu quero muito ler esse livro

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro mas achei a obra do Joseph Campbell muito interessante gostei dos temas que ele aborda ainda mas a mitologia que só conheço o que li em algumas series mas acho bem interessante !!

    ResponderExcluir
  11. Rosem!
    É o tipo de livro que me atrai e conquista.
    Gosto de aprender sobre as religiões e como influenciam no nosso dia a dia.
    As conclusões de Campbell são críveis e gostaria demais de ler.
    “A parte que ignoramos é muito maior que tudo quanto sabemos.” (Platão)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!