[Resenha] Revival

Revival - Stephen King

Revival - Stephen King
Sinopse - Suma de Letras - 2015 - 376 páginas


Em Revival, Stephen King nos propõe uma profunda reflexão sobre a fé, a vida, a morte e o confronto com o desconhecido [tema largamente explorado em toda sua obra]. Como leitora assídua de King é inevitável a comparação de Revival ao conjunto de seu extenso legado, e neste sentido encontramos elementos similares quanto a personagens, desenvolvimento e tal, mas o terror mesmo é de base Lovecraftiana.

King dedica Revival a autores que considera como referência para seu caminho, e brinca com elementos dessa influência no decorrer da narrativa em 1ª pessoa, sob o ponto de vista de Jamie Morton, a trama gira em torno do protagonista e a saga de seu envolvimento com o pastor Charles Jacobs [seu mentor e ídolo], um homem obcecado pela eletricidade e “posteriormente” [será?] pelo desconhecido. Separados por acontecimentos trágicos, irão reencontrar-se em um momento não menos inquietante e experimentar  fatos absolutamente bizarros.

“ - A gente nunca mais vai se ver?
- Nunca diga isso, Jamie. Os caminhos se cruzam o tempo todo neste nosso mundo, às vezes nos lugares mais estranhos.”

A experiência de leitura com King é sempre intimista e interativa, a prosa é coloquial e o existencialismo sempre nos afronta quanto a valores e dilemas pessoais, impossível ficar imune, Jamie irá da fama à total queda, do fundo do poço à ressurreição ou “reavivamento” [tradução mais próxima para “revival”], contudo o preço a pagar... hummm! Eis ai a questão que King nos lança à refletir.

Charlie Jacobs é um homem obcecado, pastor, cientista, ilusionista, impostor e milagreiro, por meio da eletricidade e da fé cega ele busca rasgar o véu da realidade, penetrar o desconhecido, a verdade além da divindade, o segredo que está além da fé.

“ Mas será que ele conseguiria? Seria fácil dizer que sim porque com isso eu poderia por a culpa nele. Só que também teria que me culpar porque assim como ele, eu não parei. A curiosidade é uma coisa terrível, mas é humana. Humana demais.”

Revival é uma experiência sensorial e única para os conhecedoras da obra de Lovecraft, aos leitores de King é uma obra de suspense enigmática, mais leiam um só conto de Lovecraft depois de Revival e verão todos os pelos de seu corpo se arrepiarem.

Apesar de King não ter citado como referência, senti uma super influência de Robert W. Chambers nos “reavivados” pela energia de Jacobs, e de Ray Bradbury tanto nas experiências bizarras relacionadas à parques de diversão/circo, quanto ao “Sr. Elétrico” e a juventude eterna ahahah! E o que dizer da frase: “Alguma coisa vai acontecer” de Jamie, que nos remete totalmente à “Algo Sinistro vem por aí” de Bradbury? Genial! Sem falar na relação com a tempestade já implícita na belíssima capa, que nos remete ao universo de Bradbury/Shelley/Stocker/Straub.

Enfim, tudo está ligado, mas algumas relações apenas os adeptos farão... Ohhhh! “so sorry”, é preciso depurar a leitura e sair do lugar comum... Stephen King é um autor para quem quer sair da “caixa”, se você cansou de “mais do mesmo”, King é surpreendente e super indicado.

Experimentem, é Sensacional!
Meu favorito, forever!

Essa leitura foi uma cortesia da Suma das Letras.
Aguardamos seus comentários! By.:.

16 comentários

  1. Olá :)
    Confesso que até hoje só li um livro do autor, mas gostei muito! tenho muita curiosidade sobre as obras do Lovecraft por isso vou anotar a dica!

    Amei seu blog e estou seguindo!
    Beijos,
    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Que resenha eletrizante...
    Ainda não li nenhum livro dele, mas, pela sua resenha tenho certeza que vou amar!!! Adoro suspense...
    Parabéns pela resenha!
    E vou pesquisar sobre Lovecraft.
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Facebook
    Twitter
    Instagram

    ResponderExcluir
  3. Oi Rosem eu nunca li nenhum livro da Stephen King mas sempre que leio resenhas dos livros dela só leio elogios parece que esse livro é um pouco de suspense eu amei a resenha com certeza vou ler bjs.

    ResponderExcluir
  4. Quero muito me aproximar mais desse estilo de terror psicológico e envolvente que King faz, ele é um dos autores que mais quero ler em 2016. Sua resenha me deixou com mais vontade ainda, tenho a impressão que corro o risco de virar fã dele.

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Estou doida pra ler esse livro, curto muito a escrita de Stephen King e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  6. Revival possui relação com a obra do Lovecraft?Que curioso...
    Espero ler,só li alguns do King.
    Gostei do primeiro quote:
    “ - A gente nunca mais vai se ver?
    - Nunca diga isso, Jamie. Os caminhos se cruzam o tempo todo neste nosso mundo, às vezes nos lugares mais estranhos.”

    ResponderExcluir
  7. Rosem!
    Minha sensação é que King tem experimentado novas vertentes em termo de enredo na sua escrita.
    Mesmo sem o elemento Terror, os livros são maravilhosos e passa a ser um trhiller de suspense e mistério, isso me agrada.
    “A imaginação é mais importante que o conhecimento.” (Albert Einstein)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe do TOP COMENTARISTA de Janeiro, são 4 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  8. eu nunca li nada do King, não sei se encaro numa boa uma leitura dessas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Sempre ouço falar bem do Stephen King, porém só li um livro dele que foi Joyland, que também traz os assuntos fé, porém se dedica mais à investigação. Podemos esperar tudo desse autor que sempre inova com seus livros, por isso quero muito ler Revival. A capa é linda e é o que mais me atrai. Adorei sua resenha, abraços.
    bookdan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi
    Que resenha maravilhosa!! Uau fiquei empolgada!
    Sabe, eu tinha minhas dúvidas se esse livro seria bom... porque? não sei... acho que não gostei muito da capa.
    Mas depois de ler a sua resenha e estou indo agora pesquisar o preço dele e colocar no carrinho :D
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito de Revival, principalmente as últimas dezenas de páginas.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Rosem! Oi, Elis!

    "Revival" parece ser uma ótima leitura, reflexiva e intensa. Estou curiosa para lê-lo.
    Ótima resenha.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. faz tempo que eu não leio nada do King e cada livro me impressiona que ele anda explorando vários tipos de livros. quanto ao Lovecraft, tenho que ler mais =)
    acho q vou aproveitar e colocar os dois autores na lista para poder sair da mesmice

    ResponderExcluir
  14. oi ^^ quero mt ler algo do autor, mas não sei se começaria por esse pq a premissa não me agradou muito, mas se eu curtir os demais livros uma hora chego nesse. espero ao menos gostar um pouco quando tentar ler ^^

    ResponderExcluir
  15. Esse livro do Tio King ainda não li, mas já simpatizei com a historia, ele tem uma criatividade assustadora! Espero ler em breve essa historia!

    ResponderExcluir
  16. King é realmente um autor fantástico, não é à toa que ele está no topo da minha lista de favoritos. Este livro em especial me deixou bastante curiosa, principalmente por conta dos elementos de horror clássico que o autor mistura a seu enredo. E essa capa, por favor, maravilhosa!

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!