[Resenha] Supernova - A Estrela dos Mortos

Supernova - A Estrela dos Mortos - Renan Carvalho

Supernova - A Estrela dos Mortos - Renan Carvalho
Série Supernova - Livro 02
Sinopse - Novo Conceito/Novas Páginas - 2015 - 480 páginas


Em “A Estrela dos Mortos”, segundo livro da série “Supernova”, as aventuras de Leran e Luana ainda não acabaram, pelo contrário, só aumentaram! Os dois pensavam que seu maior problema seria fugir da Rainha Nagisa, mas os irmãos se depararam com perigos bem maiores do que a Rainha de Acigam na cola deles.

Shaz, a Estrela dos Mortos (Estrelas são magos muito poderosos), está com um plano maligno de despertar os mortos e fazer um exército usando o poder da Necromancia, isso está matando e aterrorizando pessoas de diversas vilas, fazendo-as abandonar suas casas. O que antes era um problema apenas para os Paladinos de Sonatri, o Reino Central, acaba se tornando algo de proporções mundiais. Assim, Leran e Luana se envolvem nesta história, lutando junto com os outros magos pela paz.

Confesso que no começo achei a história um pouco lenta, os diálogos entre Leran e Luana forçados demais. A narrativa não me cativou, eu sempre adivinhava o que iria acontecer, mas na terceira parte (são oito partes mais o epílogo), quando Leran e Luana chegam em Mabra, os desafios e objetivos da dupla se tornam mais interessantes.

Neste volume conhecemos novos personagens: Tlavi e Gueth, dois irmãos que narram algumas partes desta história, assim como Leran, mas eu queria que Luana também tivesse narrado em algum momento. Tlavi é uma Estrela da Cura e uma Paladina, ela está com a cabeça cheia de problemas pois é a única que pode deter o necromante Shaz, somente a luz que carrega dentro de si tem o poder de combater as trevas. Toda essa pressão faz com que a jovem não ligue para seu irmão Gueth e se torne bastante fria, ainda assim é uma personagem interessante, apesar de ter me irritado algumas vezes.

Gueth luta para ganhar dinheiro e seu maior objetivo é salvar a vida do pai, que está sofrendo com uma doença rara. Gueth de cara aparenta ser apenas uma pessoinha no caminho de Leran e Luana, mas depois se torna um grande amigo dos dois. Ele me surpreendeu muito e virou meu personagem preferido, mesmo que eu não tenha gostado do romance que começou entre ele e outra personagem.

Leran se tornou um protagonista melhor ao deixar de ser um garoto comum se camuflando no meio de gente mais poderosa do que ele. Leran está bem mais determinado agora e foi legal vê-lo sair da sua caixinha de “só consigo fazer magia com cobre” e partir para novos metais, já estava na hora!

Senti falta de batalhas no primeiro livro, mas fiquei mega feliz quando encontrei o que eu procurava nesse volume: muita luta! Gostei bem mais de “A Estrela dos Mortos” do que “O Encantador de Flechas”, algumas coisinhas que me incomodaram no primeiro volume persistiram, mas a série teve uma boa evolução, a história me pareceu mais limpa, sem tantas informações sufocando o leitor (o que é compreensível para um primeiro volume cheio de explicações), com mais aventura e perigo. Se continuar assim, o terceiro livro pode ganhar meu coração.

Série Supernova



Supernova - A Estrela dos Mortos
Supernova - O Satélite de Ferro (previsão: 2017)

Site do Autor

Essa leitura foi uma cortesia da Editora Novo Conceito.
Aguardamos seus comentários!
Beijos mágicos… 

14 comentários

  1. Já tinha lido outras resenhas a respeito desse livro, e achei a trama muito bem construída, e todos que costumam ler esse gênero costuma gostar do livro e elogia a leitura, infelizmente não me interessei pela leitura, mais sei que tem muita gente que gosta.

    ResponderExcluir
  2. o livro não me atraiu muito, Elis, a proposta não é algo que eu si curta!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Estou com o primeiro livro da serie para ler e estou muito curiosa sobre essa historia, achei bem legal e mesmo esse não tendo começado em um ritmo bom a historia ainda me interessou principalmente pela a evolução da serie mas vou ler para conferir !!

    ResponderExcluir
  4. Oi Samantha!
    Gostei muito de sua resenha, apontando os prós e contras que encontrou na leitura. Eu já tinha visto o primeiro por aí, mas nunca me animei pra ler, acho que ainda não estou nessa vibe, mas a história parece legal. Talvez um dia eu dê uma chance. E torço para o terceiro ser ainda melhor e que possa conquistá-la =)
    um abraço!
    Pandora
    Pan's Mind

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Confesso que fiquei mais animada com o primeiro livro...
    Mas, às vezes acontece de o segundo ser mais devagar para no 3º arrasar né?
    Parabéns pela resenha!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Facebook
    Twitter
    Instagram

    ResponderExcluir
  6. Sam!
    Já eu gostei muito da leitura, só achei que o protagonista ficou um tantinho apagado, em segundo plano, mas foi uma das melhores leituras do ano passado.
    “Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo.” (Oscar Wilde)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Top Comentarista fevereiro, 4 livros e 3 ganhadores, participe!

    ResponderExcluir
  7. Ótima resenha.
    Amei essa capa, porem não faz meu gênero literário, então não me chamou muito a atenção, espero em breve reconsiderar essa leitura.

    ResponderExcluir
  8. Não é muito o meu tipo de literatura, mas supernova parece ser um ótimo livro para o público infanto juvenil que gosta de fantasia. Eu daria de presente com certeza. Fico feliz em saber que a história continua boa no segundo livro, até melhor né :)

    ResponderExcluir
  9. Oi, Samantha!
    Apesar de gostar de livros com magos e consequentemente magia, as sinopses dos livros da serie Supernova não me intessaram, não curto os enredos. E apesar do amadurecimento do protagonista Leran e do aumento das lutas nesse segundo volume, - também gosto de cenas de lutas - meu interesse continua sendo nulo, portanto, Supernova - Estrela dos Mortos é um livo que eu não leria.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Essa é uma série que eu não conhecia, mesmo assim, gostei bastante da sua resenha, o que me incomoda é saber que o terceiro livro está previsto pra ser lançado em 2017, é muito tempo pra esperar quando se gosta de uma série, mas enfim...Eu gostei de saber que o Gueth foi um personagem que te surpreendeu e que vc gostou muito, é bom quando o autor consegue fazer isso né! Eu adorei a resenha, e quero sim ler essa série, mas só depois do lançamento do ultimo livro, bjão!

    ResponderExcluir
  11. Nao conheço nada do autor, mas ja vi que se eu for ler terei problema com essa historia, pois livros lentos sempre empaco quando vou ler.

    ResponderExcluir
  12. Ganhei os dois primeiros livros dessa série, curto muito fantasia e aventura, essa resenha me deixou ainda mais interessada em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  13. Pela resenha deu para perceber que o autor evolui bastante na escrita desse segundo volume até no desenvolvimento da trama como um todo, o que faz com que o leitor fique lendo até chegar ao fim.
    A ideia é muito boa, uma fantasia nacional que tem todos os elementos importantes, como lutas, poderes e reviravoltas, adicionar novos personagens que enriquecem ainda mais a jornada dos protagonistas, novos problemas e mais aventura, realmente fiquei com vontade de ler, uma pena que o próximo livro será lançado apenas no ano que vem, vou esperar ser publicado para comprar e ler os três de uma vez, mergulhando de cabeça no mundo criado por Renan.

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!