[Resenha] O Código Da Vinci (Edição especial para jovens)

O Código Da Vinci - Dan Brown

O Código Da Vinci - Dan Brown 
(Edição especial para jovens)
Sinopse - Editora Arqueiro - 2016 - 312 páginas


“O Códico da Vinci” é um livro de suspense investigativo e mistério muito famoso, e recentemente a Editora Arqueiro publicou uma edição especial voltada para o público jovem, sem alguns termos políticos presentes no volume original. A história continua a mesma e o livro possui todas as cenas, então, nenhuma informação será perdida por quem ler esta edição.

Robert Langdon é um professor de Simbologia que acabou de escrever um livro, e se vê diante de um assassinato ocorrido no museu do Louvre, cuja vítima (Sauniére, o curador do museu) havia marcado encontro com ele. Sauniére deixou uma mensagem no piso perto de onde morreu, onde escreveu “Encontre Robert Langdon”, entre outros códigos. Agora, Robert está sendo procurado pelo assassinato de Sauniére e de outros quatro mortos que parecem ter ligação com o curador.

Sophie Neveu, criptógrafa e neta de Sauniére, não acredita que Robert seja o assassino, pois acha que seu avô estava querendo deixar alguma mensagem para ela, e precisa da ajuda de Robert para descobrir o motivo. Assim, os dois se unem para decodificar as mensagens do curador e descobrir qual segredo Sauniére levou para o túmulo.

Gostei do protagonista, da forma como conseguiu suas pistas e juntou as pontas soltas, a resolução dos mistérios foi bem natural e possível, nada mirabolante ou fácil demais. Também gostei de Sophie, e como sua relação familiar influenciou na trama.

Teorias totalmente inesperadas foram sendo formadas ao longo da história, o que deixou tudo muito mais divertido, enquanto eu lia sempre esperava que outro elemento se juntaria à Teoria.

“O mestre e Silas não falhariam.
O mestre estava agindo por dinheiro. Silas pela fé.
O dinheiro e a fé eram motivações poderosas.”

O livro é muito bom, principalmente, por que fala sobre coisas que nós já conhecemos (como o Santo Graal, as obras de da Vinci, etc...), mas sob outra perspectiva, relacionando diversos elementos que a princípio não vemos similaridades dentro de um grande contexto.

Essa edição possui algumas páginas de ilustrações coloridas com obras e lugares que as personagens se deparam durante a história, achei isso super legal, pois facilita muito a leitura, enquanto eles discutem sobre algum detalhe da obra, seu significado ou algum segredo contido nela, podemos acompanhar o raciocínio admirando a obra, sem ter que abrir o Google para dar uma pesquisada.

“(...) a história é sempre escrita pelos vencedores. Quando duas culturas entram em conflito, o perdedor é obliterado, e o vencedor escreve a história... livros que glorificam sua própria causa.”

Descobri que existem outras aventuras do professor Robert Langdon, cada livro é independente e estou curiosa para ler os demais, tenho “O Símbolo Perdido” aqui em casa, então será o próximo. “O Códico da Vinci” foi adaptado para o cinema em 2006, mas só tive a oportunidade de assistir ao filme após a leitura, fico feliz em dizer que ele foi bem fiel à obra de Dan Brown, vale a pena ser visto!

Histórias c/ Robert Langdon


5. Origin (set/2017 nos EUA)


Essa leitura foi uma cortesia da Editora Arqueiro.
Aguardamos seus comentários! Beijos codificados...

9 comentários

  1. pensa num livro que chega a dar nó na cabeça da gente de tão real que pode ser, Dan coloca em xeque muitas das minhas convicções
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Infelizmente não consigo me sentir atraída pelas obras do Dan!
    Já tentei iniciar a leitura de edições anteriores, já tentei assistir aos filmes mas simplesmente a coisa não gira. E olha que acho uma premissa bem interessante todo o mistério e investigação que assolam os personagens.
    Adorei saber suas impressões sobre essa nova edição voltada ao público jovem, mas não pretendo realizar a leitura.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. OI!!!


    Tenho curiosidade para ler essas obras, mas ao mesmo tempo não me sinto cativada em começar. Sei que os livros são bem ricos os culturalmente esse é o motivo que me atrai, entretanto os filmes são bons, mas não entusiasmam e fico pensando se os exemplares não seguem a mesma rotina. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Bateu até saudade agora!!!
    AMO Dan Brown e suas obras são incríveis!!!
    Já li todas as aventuras de Robert + os outros livros do Dan, Fortaleza Digital e Ponto de Impacto.
    E Fortaleza é o meu PREFERIDO!!
    Sua resenha me deixou nostálgica!! hahuhauhah
    Muito amor!!!

    Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá tudo bem?
    Adorei o filme, a temática dos mistérios e tudo o que envolve. Confesso que ainda não li o livro mas já estava pensando em ler e não sabia que Anjos e Demônios vinha antes de O Código da Vinci, achei que esse último era o primeiro, olha só, já ia começar lendo errado.
    Sua resenha me deixou afoita pelo livro.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Fiquei interessada na edição por terem tirado(se entendi bem) os termos políticos, não sei os outros, mas as vezes isso me incomoda para caramba na trama.

    Beijinhos e até logo! ;)

    ResponderExcluir
  7. Essa nova edição é linda, todos os livros poderiam seguir esse modelo. Eu nunca li nada do autor, mas fiquei sabendo de umas coisas que não me agradaram muito, como por exemplo as descrições em excesso, às vezes acho que isso torna a narrativa um pouco cansativa. Embora seja uma temática que me atrai, acho que não me arriscaria por conta da escrita :/

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  8. Oi! Eu tenho todos do Dan, menos essa versão nova, é linda a capa e não sabia que tinha ilustração, acho as obras dele maravilhosas e se tu amou Codigo, deve amar Anjos e Demônios.
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br/
    Xoxo

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Eu virei fã do autor depois de ler esse livro. Agora acompanho seus lançamentos e vejo as adaptações que vão para o cinema também. Eu gosto muito quando ele mistura fatos reais com ficção. E nesse livro em especial por ter abordado questões da igreja, tornou o enredo mais interesse e polêmico. Gostei muito da sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!