[Resenha] Mais forte que o sol

Mais forte que o sol - Julia Quinn

Mais forte que o sol - Julia Quinn
Duologia Irmãs Lyndon - Livro 02
Sinopse - Editora Arqueiro - 2018 - 288 páginas


 “Mais forte que o sol” é o segundo volume da Duologia Irmãs Lyndon. Dessa vez, os protagonistas são Charles Wycombe, o conde de Billington e Eleanor Lyndon, mais conhecida como Ellie, a irmã mais nova de Victoria Lyndon, que foi a personagem principal de “Mais lindo que a lua”.

O ano é 1817 e tanto Charles quanto Ellie estão metidos numa enrascada. Charles, porque seu pai, ao morrer, deixara um testamento exigindo que ele se casasse antes dos 30 anos de idade como condição para receber sua herança; Ellie, porque sua modesta solteirice fora ameaçada pela futura madrasta que tentará livrar-se dela de todas as formas, nem que seja casando-a com os piores partidos da região.

Talvez por isso, a louca proposta de casamento feita pelo conde - num momento e circunstâncias nem um pouco convencionais - seja a única forma de Charles e Ellie resolverem seus problemas imediatos. Mas, e depois? Que surpresas, aventuras e desventuras esse casamento por conveniência reservará ao casal?

“Ele permaneceu nos degraus da frente por vários minutos após a carruagem desaparecer de vista, vendo o sol que pairava no horizonte e pintava o céu.
O cabelo dela, pensou de repente. O cabelo de Eleanor era da cor exata do sol em sua hora preferida do dia.
Seu coração se encheu de inesperada alegria, e ele sorriu.” 

Esse é um romance de época delicioso, daqueles que você lê com cara de boba, porque não consegue tirar o sorriso dos lábios. Ellie e Charles riem muito juntos, se acidentam muito juntos e constantemente enlouquecem um ao outro, travando a todo tempo diálogos rápidos, espirituosos e bem humorados, do tipo que adoro acompanhar.

Ellie é uma mulher muito sensata e inteligente, porém totalmente ingênua no que diz respeito aos relacionamentos amorosos e íntimos. Já Charles é um mocinho encantador, e logo notamos que ele não propõe casamento à Ellie somente por conveniência, mas sim porque sente atração e admiração por ela desde que a vê pela primeira vez e, a partir do momento em que se casam, tudo o que faz é tentar conquistá-la e seduzi-la a consumar o casamento.

Sim, porque Ellie fica tão desconcertada com as sensações desconhecidas que Charles desperta em seu corpo, que solicita um tempo para que se acostume com as suas “atenções”. Charles concorda em esperar, desde possa continuar a tentá-la. E é esse jogo de sedução, onde cada vez mais os sentimentos ficam envolvidos, que iremos testemunhar durante essa leitura sexy e divertida.

“-Viu só? Não adianta correr muito, pois eu controlo a comida.
-Então planeja me matar de fome para me fazer obedecer?
-Se for minha única chance de sucesso. - Ele se inclinou para frente. - Não sou um homem orgulhoso. Vou vencê-la, quer por meios justos, quer por desonestos.
-E fome conta como justo ou desonesto?
-Depende de quanto tempo demore.
Naquele exato momento, o estômago de Ellie roncou alto.
- Isso vai ser muito fácil - disse Charles com um sorriso.”

Adorei e recomendo!

Duologia Irmãs Lyndon


2. Mais forte que o sol  (2018)


Essa leitura foi uma cortesia da Editora Arqueiro
Aguardamos seus comentários! Beijos...

6 comentários

  1. estou terminando, mas o que eu ja ri com esse livro, realmente muito divertido!!!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Elis! Adoro os romances de época da Julia Quinn, ainda não li o primeiro livro, cada resenha que vejo dos livros me deixa ainda mais curiosa em conferi as histórias das Irmãs Lyndon.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Elis!
    Como amo romances de época e os escritos pela Julia Quinn são maravilhosos, quero poder ler.
    Achei que o casal foi muito bem construído e teve uma química perfeita para o romance.
    “Sou uma só. (...) Sou um ser. E deixo que você seja. Isso lhe assusta? Creio que sim. Mas vale a pena. Mesmo que doa. Dói só no começo.” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  4. Li o livro e adorei o casal,um romance de época leve e divertido.
    Como todo os romances da Júlia, ótimo. Bjinhos

    ResponderExcluir
  5. Não conheço a autora (mas sou louca pra ler algo dela) e nao li o primeiro (alias nao me lembro das resenhas q li do primeiro kkk), mas se tem um coisa q tenho certeza com esse livro, é a possibilidade de altas risadas com esses dois protagonistas diferentes kkk Amo romances de epoca.

    BJss

    ResponderExcluir
  6. Eu amo os livros da Julia Quinn, e já tenho certeza de que vou amar essa duologia também. Eu ainda não li o primeiro livro, mas ele já está aqui na minha fila, e provavelmente será um dos próximos. Já fiquei doida pra ler esse segundo livro também. Eu gosto bastante de livros que tem algum relacionamento por conveniência, mas não lembro de nenhum romance de época que tenha algo assim, então já fiquei super interessada nessa história. Achei muito legal também o Charles não propor casamento apenas por causa da herança, acho que vou amar esses dois personagens <3

    Bjss ^^

    ResponderExcluir

Esse espaço também é seu!
Vou adorar saber a sua opinião passional :)
Seu comentário será publicado em no máximo 24 horas.
Beijos!